Menu

Sérgio Noronha, ex-comentarista esportivo, morre aos 87 anos. Foto

Morreu nesta sexta-feira o ex-comentarista esportivo Sérgio Noronha (24), no Rio de Janeiro, aos 87 anos. A informação foi confirmada pelo Portal Uol Esporte com o Retiro dos Artistas, local em que ele morava desde 2018. Ele morreu vítima de uma parada cardíaca. Noronha estava internado em um hospital na Zona Sul do Rio de Janeiro desde a semana passada e estava muito debilitado. Ele sofria de Mal de Alzheimer.

ex-comentarista da Globo foi levado ao Retiro dos Artistas pelo juiz de futebol aposentado e amigo de longa data Arnaldo Cezar Coelho, após o ex-comentarista de arbitragem da Globo solicitar ajuda pessoalmente ao ator e presidente da instituição, Stepan Nercessian.

O “Seu Nonô”, como também é conhecido, foi ainda redator, editor de esportes, secretário de redação e colunista. Vascaíno, trabalhou em vários jornais e também nas rádios Jornal do Brasil, Globo e Tupi.

Em televisão, fez parte da equipe das TVs Tupi, TV Rio, TVE Rio de Janeiro (atual TV Brasil) e TV Globo e no Canal SporTV. Foi ainda integrante do programa Mesa Redonda Rio, na antiga TV Corcovado, juntamente com José Carlos Araújo, Gilson Ricardo, Gérson, Deni Menezes e Elso Venâncio.

Acabou sendo alvo de muitas brincadeiras na internet, por ter cochilado durante as transmissões ao vivo de um programa esportivo sobre a Copa do Mundo de 2002, exibido pela Rede Globo.

Em Janeiro de 2009 assinou contrato com a TV Bandeirantes para comentar o Campeonato Carioca na emissora, após ser demitido da Globo, onde trabalhou durante cerca de 40 anos. Ficou um ano apenas, onde foi seu último local.

Deixe seu comentário