Menu

Diretor da FPF discorda de decisão do STJD que interdita Amigão; Jogo Campinense x Atlético CZ está mantido. Entenda

A interdição do Estádio Amigão, imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), pode colocar em xeque uma das semifinais do Campeonato Paraibano. É que está marcada para este domingo, às 16h, a partida de ida entre Campinense e Atlético de Cajazeiras. Se depender do diretor executivo da Federação Paraibana de Futebol (FPF), Otamar Almeida, no entanto, o jogo vai acontecer no local marcado, o Estádio Amigão.

Ainda sem ter recebido oficialmente o resultado do tribunal desportivo, que interditou a praça esportiva, após uma denúncia do Botafogo, que acusou o Campinense de não ter divulgado corretamente a renda e o público do duelo entre as duas equipes pela primeira fase da Copa do Brasil, o dirigente da FPF revelou que não há tempo hábil para cumprir a decisão.

– Sendo bem sincero, se for verdade, a gente não vai cumprir. Até o momento não chegou nada aqui na Federação, mas estamos tentando tomar providências porque o campeonato não pode ser parado por um simples ato. O estádio aqui está legal. Se houve um problema foi com o clube e não com o estádio – comentou.

No julgamento desta sexta-feira, o STJD ainda multou em R$ 52 mil ao Campinense e em R$ 13 mil a Federação Paraibana de Futebol (FPF). Os auditores também entenderam que o clube descumpriu o Estatuto do Torcedor (ET), não tomando providências para a segurança contra falsificações, fraudes e outras práticas que contribuam para a evasão da receita. Ainda de acordo com o tribunal, o estádio estará interditado até que se comprove o cumprimento dos artigos 21 e 25 do ET.

fONTE: Globo Esporte PB

Deixe seu comentário