Menu

Dobradinha entre Dra Paula Meirelles Estadual e Vituriano de Abreu Federal está praticamente definida em Cajazeiras

Só a democracia agüenta.

Vi de tudo nestes meus sessenta e oito anos de idade na corrida da convivência social , econômica , política -religiosa do Brasil .
Vi resquícios do período da escravidão negra, lá mesmo no meu sítio cabeça da onça .
Vi sistema político eleitoral onde os eleitores eram quase todos do sexo masculino .
Vi a pobreza campeando no sertão nordestino com comida zero nas mesas .
Vi famílias inteiras pedindo roupas velhas rasgadas para reaproveitarem em vestis de tiras e copeiros de recém nascidos .
Vi disputas eleitorais aguerridas onde se esperava crimes ; às vezes vinham às vezes não .
Vi plebiscitos , vi golpe militar .
Vi regime duro com gente sendo sacrificadas mas vi também regime de corda solta pra se fazer o que bem entender ( agora estamos nele ).
Mesmo com tantas alternâncias, o melhor regime é o democrático.
É através da vontade da maioria que os mandatários alcançam os postos administrativos públicos e privados.
Há período em que algumas questões que deveriam ter soluções mais rápidas atrasam se esta vierem pelo voto da maioria.
Poderá também muitas saírem negativas , são aquelas que requerem conhecimentos das matérias e seus eleitores nada dominarem daquele assunto .
Mesmo assim é o melhor sistema político para um país .
É por este ângulo eleitoral que aposto em melhorias para nosso país a partir dos resultados das eleições deste ano .
Se o povo comportou-se correto neste processo eleitoral com certeza aprimorará no próximo .
Voltou o tempo do voto ser por vontade livre , ser para os mais capazes , para os honestos , os compromissados com a sociedade , com a pátria , com o progresso .
Sendo assim, retornaram em mim o gosto pela política, a fé no povo.
Vamos rumo a uma candidatura a deputado federal .

Fonte: Vituriano de Abreu

Deixe seu comentário