Menu

STJD suspende semifinal entre Campinense e CSP; FPF convoca reunião sobre o caso

Uma liminar deferida pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva
(STJD) suspendeu, nesta sexta-feira (6), as partidas entre o Campinense e
o Treze, válidas pela fase semifinal do Campeonato Paraibano deste ano.
A Corte acatou pedido do Treze Futebol Clube, que pede a exclusão da
Raposa da competição.

A diretoria do Treze argumenta que o Campinense estaria atuando sem as
certidões de quitação tributárias, o que, segundo o clube, seria
suficiente para eliminar o arquirrival da competição, conforme
estabelecido pela Medida Provisória 671, chamada de MP do Futebol ou
Profut, sancionada pela presidente Dilma Rousseff (PT) em agosto de
2015. O Galo ainda pede o rebaixamento da Raposa.

O Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba (TJD-PB) já indeferiu o
pedido da diretoria do Treze. Porém, o clube recorreu ao STJD que, na
tarde de hoje, resolveu suspender a semifinal entre Campinense e CSP até
que seja analisado o mérito da questão. O despacho da decisão deixa
claro que o objetivo é evitar possíveis prejuízos ao Galo da Borborema,
caso o processo seja deferido na instância superior.

Reunião na FPF

O presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF), Amadeu Rodrigues,
convocou todos os diretores da entidade para uma reunião na manhã deste
sábado (7), às 8h30. Na pauta, a discussão sobre a suspensão da
semifinal entre Campinense e CSP e as possíveis medidas judiciais que
serão impetradas pela FPF para tentar cassar a liminar deferida pelo
STJD a favor do Treze.

Deixe seu comentário